Quando usar bolsa de gelo ou água quente?

0
366
bolsa de gelo ou água quente

Bolsa de gelo ou água quente: as duas opções são efetivas, mas só se usadas da forma correta

Muita gente não abre mão da bolsa de gelo ou água quente para amenizar dores — sejam elas causadas por um treino mais pesado ou até pela má postura no dia a dia. Realmente, as duas têm o potencial de diminuir diversos incômodos. Mas só quando escolhidas corretamente! Entenda as diferenças:

Bolsa de gelo ou água quente?

1 – Gelo

O fisioterapeuta Lucas Salles, coordenador da Kinex (Unidade Paulista), explica que a opção refrescante vale para os casos de inflamação: quando o local machucado fica quente, há vermelhidão e possíveis hematomas. “A baixa temperatura diminui a circulação da região, reduzindo assim o processo inflamatório e as dores.”

2 – Água quente

Já a bolsa de água quente serve para relaxar músculos tensionados e endurecidos. Alguns tipos de torcicolo, dores na lombar e rigidez na região do pescoço podem melhorar com a estratégia.

Então, já sabe: preste atenção aos sinais do corpo antes de escolher!

Como usar cada uma

Se você decidir pela bolsa de gelo, pode sentir seus efeitos analgésicos em apenas cinco minutos. Deixe no local afetado de 10 a 15 minutos e repita o procedimento cerca de quatro vezes ao dia, diminuindo a frequência conforme o incômodo for passando. Lembre-se apenas de colocar um pano ou toalha entre a pele e o objeto para evitar machucar a pele. 

O tempo e a quantidade de vezes que você deve apostar na bolsa de água quente são os mesmos. Mas preste atenção na temperatura: se alta demais, provoca queimaduras.