7 dicas para evitar doenças cardiovasculares

0
989
Como evitar doenças cardiovasculares
International day photo created by freepik - www.freepik.com

Você sabe qual é a principal causa de mortes no Brasil atualmente? São as doenças cardiovasculares, do coração e da circulação, que incluem ataques cardíacos, derrames e trombose. Pensando nisso, trouxemos 7 dicas de como evitar doenças cardiovasculares.

Como evitar doenças cardiovasculares

Os números são assustadores: mais de 1100 mortes por dia. Cerca de 46 por hora, 1 morte a cada 1,5 minutos (90 segundos). Para se ter uma ideia, elas causam o dobro de mortes que aquelas devidas a todos os tipos de câncer juntos e três vezes mais do que as doenças respiratórias.  A estimativa da Sociedade Brasileira de Cardiologia é de que, até o fim deste ano, quase 400 mil brasileiros morrerão por doenças do coração e de circulação. 

A boa notícia, no entanto, é que existem maneiras de evitar as doenças cardiovasculares. De acordo com a Associação Americana do Coração, são elas:

Dicas para evitar doenças cardiovasculares

1 – Mantenha uma dieta equilibrada

Manter uma alimentação saudável é uma das principais armas contra as doenças cardiovasculares. 

Uma boa dica é investir nas fibras, que auxiliam no aumento da defesa do organismo, na regulação do intestino, no controle do açúcar do sangue e na diminuição do colesterol. A Organização Mundial da Saúde recomenda a ingestão diária de 25g de fibras.

Também é recomendado ingerir mais oleaginosas, beber bastante água e cortar os refrigerantes. E, para ajudar ainda mais nesta tarefa, você também pode dar uma espiada no Guia Alimentar para a População Brasileira, elaborado pelo Ministério da Saúde. 

2 – Controle sua pressão arterial

A hipertensão arterial é um grande fator de risco para as doenças cardiovasculares. Quando sua pressão arterial permanece dentro dos limites saudáveis, você reduz a pressão sobre seu coração, suas artérias e seus rins, o que o mantém saudável por mais tempo.

Aqui no BIO Blog, já te mostramos 16 alimentos que ajudam a baixar a pressão arterial

3 – Diminua o açúcar no sangue

A maioria dos alimentos que ingerimos é transformada em glicose (ou açúcar no sangue), que nosso corpo usa para obter energia. Com o tempo, altos níveis de açúcar no sangue podem danificar coração, rins, olhos e nervos.

A ingestão de alguns alimentos, no entanto, ajuda nesta tarefa. O manganês contido no milho , por exemplo, ajuda a manter estáveis os níveis de glicose no sangue, assim como as fibras contidas no grão.

o amendoim promove sensação de saciedade sem resultar em grandes alterações na glicemia do nosso sangue.

4 – Perca peso (caso haja necessidade)

Ao perder gordura extra e quilos desnecessários, você reduz a carga em seu coração, pulmões e vasos sanguíneo, além de reduzir sua pressão arterial.

Quando falamos em perder peso, no entanto, é preciso levar em consideração que cada organismo é único, sendo imprescindível identificar o que é melhor para cada pessoa. Para isso, uma consultoria alimentar personalizada de acordo com seus objetivos e necessidades, realizada pelo nosso time de nutricionistas, é a melhor escolha. A consulta se adequa à sua disponibilidade, pois pode ser feita de forma online ou presencial, nas unidades. Que tal marcar já a sua clicando aqui?

De qualquer forma, existem algumas dicas que podem — e devem! — ser seguidas por todos que estão na busca do emagrecimento saudável. Veja quais são aqui. 

5 – Mantenha o colesterol sob controle

O colesterol alto contribui para a formação de placas de gordura, que podem obstruir as artérias e levar a doenças cardíacas e derrames.

6 – Mantenha-se ativo

O sedentarismo é outro importante fator de risco para as doenças cardiovasculares. A recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é a prática de atividade física leve ou moderada por, pelo menos, 150 minutos semanais. Pode até parecer um número distante, mas estamos falando de, aproximadamente, 30 minutos por dia.

Aqui, demos 5 dicas para você não desistir e manter a motivação no treino. 

7 – Pare de fumar

Fumantes têm risco maior de desenvolver doenças cardiovasculares. Se você fuma, parar é a melhor coisa que pode fazer pela sua saúde.